Cavitação: o futuro do tratamento de água

Apesar de recentes, os estudos sobre usos comerciais da cavitação já passam por diversas áreas, indo de medicina e farmácia a agroindústria e tratamento de efluentes. A tecnologia, limpa e versátil, tem sido cada vez mais utilizada como alternativa ao uso de agentes químicos como solução promissora – inclusive para problemas de saúde pública.
O método vem sendo pesquisado a fundo nas universidades, de onde saem projetos animadores para melhorar a potabilidade e combater bactérias em águas residuais da atividade industrial, da agricultura e do esgoto doméstico, visto que muitas formas de tratamento tradicionais também geram resíduos prejudiciais à saúde.
De maneira simples, o sistema propicia a formação de jatos de alta velocidade, aproveitando a energia do movimento da água que retorna após a filtragem para gerar cavitação. Funciona como uma espécie de “fervura a frio”, em que milhões de nanobolhas se formam e implodem violentamente, produzindo ondas de choque e jatos d´água supersônicos, letais para microorganismos.
Se a tecnologia está sendo testada e aplicada em setores essenciais ao desenvolvimento, por que ficar de fora de residências e condomínios? Converse com a gente e leve essa revolução para a manutenção de piscinas, em um processo sustentável, econômico e bem mais ágil do que a limpeza convencional.

Share this post

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *